quarta-feira, 8 de setembro de 2010

RACHEL BRICE: Ela nos deixa pasmados agita as paixões da alma e inspira a expressão criativa na dança Tribal

Já li vários blogs que falavam à respeito dela, informações muito úteis, já que eu não sabia muita coisa. Quem poderia ser? Claro... A musa inspiradora da maioria das tribalescas desse mundão, RACHEL BRICE!

Imagine que eu iria deixar de postar algo sobre ela no meu blog... E não é só ela que me inspira não, tem várias por aí, como Mardi Love, Manca Pavli, Fréderique, Mira Betz, Zoe Jakes, a nova fase de Sharon Kihara e uma que não é muito conhecida, mas que tem evoluindo de um jeito ícrivel Martina, linda, linda, linda...

Mardi Love:


Manca Pavli:


Fréderique:


Mira Betz:


Zoe Jakes:


Sharon Kihara:


Martina:


Pois então, nesse feriadão aproveitei para dar uma olhada com mais calma nos vídeos da Rachel e notei algumas coisas que muitas já devem ter notado:

1. A força que ela tem em cima de um palco é mesma desde seus primórdios, isso ela não evolui, ela sempre teve!

2. Por conseqüência ela hipnotiza quem a vê dançar, o que não é para muitas... Realmente tem que estar no sangue para transpirar tanto poder!

3. Uma concentração incrível, mesmo quando a vemos brincando e fazendo palhaçadas, o que é bem pouco por sinal, sentimos que há uma concentração em cada movimento do seu corpo.

4. Por conseqüência, um domínio enorme do seu corpo e mente. Com isso, toda a sua dança se transforma em algo leve, sinuoso, hipnotizante e de puro prazer aos olhos de quem a vê...

Vi desde os vídeos mais antigos aos mais recentes, e todos tem a mesma atmosfera, o que mudou um pouco, foi a linha de pesquisa que ela teve.

Creio que são esses itens que nos fazem ficar pasmados diante dessa mulher dançando, sentimos que a dança realmente sai do seu ventre, da sua mente e da sua alma... Não conheço mais nenhuma dançarina que me faça sentir a mesma coisa, muitas parecem forçar, e como é algo para se sentir, todos sentem que essa "emoção" está sendo-lhes empurrado goela abaixo. E também uma cópia barata de um sentimento que não existe!

Tudo que é natural é mais belo por excelência, como a beleza natural de uma pessoa, como a manhã fresca da primavera, como uma criança dormindo entre outras coisas...


Fiquei três anos sem praticar a dança por conta do trabalho e da faculdade, mas sempre que pude, me apresentei para poder perder o medo do palco e saber dominar a Mariáh interna. Esse temor do palco, muitas vezes me faz de boba, sem saber o que fazer com meus braços, rosto e corpo... Enquanto eu dominava essa parte, esquematizava como iria ser a correria atrás do prejuízo de ficar três anos sem praticar regularmente a dança tribal. Farei outro post falando sobre isso...

Para fechar, uma mensagem à todas as dançarinas apaixonadas:

"Utilizando o meio como parte da mensagem, a dança evoca, reforça e esclarece desejos e fantasias, algumas das quais seriam, de outra maneira, incoerentes. Erguendo um espelho, a dança nos diz: Olhe para você mesmo ou para como você pode ser. A imagem que vemos pode ser agradável, desajeitada ou mesmo aterradora. A dança é um meio capaz de atrair e reter o olhar, um meio no qual o ser humano se identifica, onde conserva ou elimina seus limites". (Judith Lynne Hanna).

2 comentários:

Bety Damballah disse...

"A dança é um meio capaz de atrair e reter o olhar"
.
Realmente isso não é pra todas, infelizmente ... mas poderia ser ... se a nossa dança tribal não fosse o mar de clones que é ..

Aerith/ Panda-chan disse...

Obrigada por comentar no meu blog!

Adorei o post!! Realmente estão "linkados" o seu post atual com o meu atual rsrs

Fico feliz que tenha gostado^^ Realmente a várias coisas que nos chegam alcançar nossos objetivos na dança, eu citei apenas alguns lá. Mas o primordial com certeza é estudar e praticar constantemente^^

Sucesso!

Beijos^^